terça-feira, 31 de julho de 2012

“A hora e a vez do mensalão”, análise do Instituto Teotônio Vilela

Não houve apenas pagamento a parlamentares para votar com o governo petista nos idos de 2003 a 2005. A realidade é que existiu coisa muito pior: a montagem de uma rede para corromper o poder público, parasitá-lo, carcomer as estruturas da República. O mensalão é a mãe de todos os escândalos de corrupção que se seguiram no governo Lula, e se estenderam também à gestão de Dilma Rousseff. É chegada a hora de extirpá-los.

Na próxima quinta-feira, o Supremo Tribunal Federal inicia o maior julgamento da sua história. Da decisão dos 11 ministros depende o destino dos 38 réus do mensalão, o gigantesco esquema de desvio de dinheiro público para alimentar uma rede de falcatruas. É hora de virar a página da corrupção que assola o país desde a ascensão do PT.

As 50 mil páginas dos 300 volumes que compõem o processo estão repletas de provas de que o partido de Lula, Dilma e José Dirceu surrupiou dinheiro dos cofres públicos para financiar um festival de crimes que vão de formação de quadrilha, corrupção ativa e passiva a peculato, evasão de divisas, lavagem de dinheiro e gestão fraudulenta.

Em reportagem no domingo, O Globo estimou em “pelo menos” R$ 101,6 milhões o montante desviado pelo PT para comprar apoio de parlamentares, corromper servidores públicos, lesar o erário, driblar o fisco – enfim, praticar atos corruptos – a fim de perpetuar-se no poder após a eleição de Luiz Inácio Lula da Silva.

A cifra resulta de apurações feitas por investigadores da Polícia Federal, do Ministério Público Federal e do Tribunal de Contas da União, mas pode ser ainda maior. Segundo a Folha de S.Paulo, o mensalão teria mobilizado R$ 141 milhões em dois anos, somando empréstimos bancários e recursos desviados de contratos com o setor público.

A defesa dos mensaleiros argumenta que não houve pagamento de mesada a parlamentares para votar com o governo petista nos idos de 2003 a 2005. A realidade é que existiu não apenas isso, como também coisa muito pior: a montagem de uma rede para corromper o poder público, parasitá-lo, carcomer as estruturas da República. O mensalão é isto.

“A palavra ‘mensalão’ dá a impressão de uma fila de pessoas que, ao fim do mês, vai receber alguma coisa. Nada a ver com isso. Ali tem peculato, corrupção ativa, corrupção passiva, formação de quadrilha e os crimes fiscal e financeiro”, resume o ex-procurador-geral da República Antônio Fernando de Souza, autor da denúncia.

Ele assegura, em entrevista a O Globo publicada hoje, que há elementos de sobra para condenar os principais envolvidos no esquema, como José Dirceu e Marcos Valério: “Eram provas, não eram apenas indícios, que foram corroboradas depois com laudos periciais”.

Um dos laudos foi feito pela Polícia Federal e comprova o uso de dinheiro do contribuinte para irrigar os dutos da corrupção, como os saques de R$ 4,6 milhões realizados em Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro que tiveram como fonte recursos que a empresa DNA, de Valério, recebeu do fundo Visanet para prestar serviços de publicidade ao Banco do Brasil. Outros R$ 7,2 milhões saíram da SMP&B, também do publicitário.

O mensalão é a mãe de todos os escândalos de corrupção que se seguiram no governo Lula, e se estenderam também à gestão de Dilma Rousseff. Seu DNA está presente, por exemplo, no recém-descoberto esquema de desvio de dinheiro no Banco do Nordeste, usando os mesmos estratagemas espúrios.

“Pelo número e importância das pessoas envolvidas, pela instância máxima do julgamento (STF) e pela grande cobertura da imprensa, pode-se dizer que se trata da mais importante denúncia de irregularidade da história da República”, define o historiador José Murilo de Carvalho. “Acho que não tem nada parecido na história do Brasil”, corrobora a cientista política Maria Celina d’Araújo, da PUC do Rio.

“Trata-se da mais grave agressão aos valores democráticos que se possa conceber”, descreveu a Procuradoria-Geral da República na peça acusatória, apresentada em 2007. O mensalão foi “o mais atrevido e escandaloso esquema de corrupção e de desvio de dinheiro público flagrado no Brasil”, segundo o procurador Roberto Gurgel, a quem caberá sustentar a denúncia da PGR no Supremo a partir do próximo dia 2.

Com esforço de milhões de cidadãos, o Brasil vem dando, ao longo das últimas décadas, passos importantes rumo à sua modernização, provendo melhores e mais dignas condições de vida à sua população. Julgar o mensalão irá significar mais um passo importante nesta caminhada. Se já restauramos a democracia, estabilizamos a economia e reduzimos a pobreza, a hora, agora, é de extirpar a corrupção, que a tudo dizima.

Luciano Ducci anuncia revitalização da Manoel Ribas e via Vêneto

No último sábado (28) o prefeito Luciano Ducci, candidato à reeleição pela coligação Curitiba Sempre na Frente, anunciou que serão revitalizadas a avenida Manoel Ribas e a Via Vêneto, nos trechos entre as ruas Saturnino Miranda até o contorno Norte.

Em conversas com comerciantes da rua Toaldo Túlio, Ducci disse que a licitação da revitalização da avenida Manoel Ribas será lançada em agosto e a renovação da via Vêneto está programada para 2013.

“Haverá uma melhoria nos bairros de Santa Felicidade e Butiatuvinha, que vão ter acesso rápido ao contorno Norte, com calçadas, asfalto e iluminação especial, dando mais segurança para pedestres e motoristas”, disse o prefeito que caminhou pelo São Braz e visitou o comitê Luciano 40 de Santa Felicidade.

As obras de revitalização da avenida Manoel Ribas vão começar em novembro, quando será concluída a licitação. Os recursos virão de uma parceria da Prefeitura com o governo do Estado, e prevê um novo asfalto, obras de drenagem, novas calçadas com rampas de acesso e iluminação especial para pedestre. A rua terá o mesmo modelo das do Anel Viário, com vias mais largas e também com calçadas mais seguras.

O prefeito disse que já está em projeto à renovação da Via Vêneto entre a Saturnino Miranda até o contorno Norte. O padrão será da avenida Manoel Ribas. A Prefeitura está buscando recursos para a obra, que vai beneficiar toda a região onde se concentram restaurantes, atraindo turistas de todo o Brasil.

O anúncio das obras agradou comerciantes e moradores da região do São Braz. Para o mecânico Reinaldo Teixeira, que trabalha em Curitiba e mora em Campo Magro, a obra vai agilizar as viagens entre o trabalho e a casa. “Vai ficar mais rápido para casa e a gente vai ter mais segurança”, disse.

Quem também gostou da notícia foi a dona de casa Cássia Santanna. “Por causa dos restaurantes é grande o movimento na região. Com estas obras o trânsito vai fluir melhor”, disse Cássia.

Educação - Antes da caminhada, o prefeito esteve reunido com a diretoria e professores do Colégio Acesso. Luciano destacou que Curitiba tem o melhor ensino fundamental entre as capitais brasileiras. “A educação é prioridade no nosso governo e vamos investir ainda mais para melhorar ainda o ensino oferecido para nossas crianças”, disse.

O prefeito disse que em seu próximo mandato pretende retirar todas as famílias que  vivem na beira do rio e fazer com que 12,7 mil famílias saiam da linha da miséria. “É possível reinserir estas pessoas na sociedade, com mais educação, creches, e ajudando a capacitar as pessoas para entrarem no mercado de trabalho”, afirmou Luciano.

segunda-feira, 30 de julho de 2012

FHC: STF inicia o julgamento que pode marcar a história do país

Luciano Ducci inclui Curitiba no Plano Nacional de Combate às Drogas

Na última sexta-feira (27) em Brasília, o prefeito Luciano Ducci, candidato à reeleição pela coligação Curitiba Sempre na Frente, assinou juntamente com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, o termo de adesão da cidade ao Plano “Crack é Possível Vencer”. Com isso Curitiba está incluída no projeto nacional de combate e enfrentamento às drogas.

Inicialmente serão repassados R$ 100,5 milhões ao Paraná para reforçar as ações antidrogas de Curitiba, entre elas a Liga do Bem.  Lançada pelo prefeito em julho, ela representa a maior mobilização da história da cidade para a prevenção e combate ao uso de entorpecentes. 

“Curitiba tem uma grande rede de assistência social estruturada no combate às drogas. Com a adesão ao Plano Nacional vamos multiplicar os resultados. Além do governo é fundamental a participação de toda a sociedade neste processo. Combater o crack é tarefa de todos e esta parceria é mais um passo nesse sentido”, afirmou Luciano Ducci.

O ministro da Saúde destacou o trabalho de Curitiba contra as drogas e a rede de atenção implantada na cidade. “Curitiba já tem um trabalho bem estruturado. Com o suporte do Plano Crack é Possível Vencer será possível ampliar ainda mais a rede existente na cidade”, disse Padilha.

Denise Colin, secretária Nacional de Assistência Social, do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), elogiou a estrutura da capital paranaense e o trabalho feito pela Prefeitura. “Curitiba tem uma rede de assistência social muito bem estruturada. É uma cidade que conta com 45 CRAS e o trabalho é referência e um exemplo para outras cidades brasileiras.”

O vice-governador do Paraná, Flávio Arns, que assinou a adesão ao Plano em nome do Estado, destacou a união dos governos no combate às drogas. “É um problema nacional que precisa ser enfrentado não só com repressão, mas com assistência social, educação e a recuperação dos dependentes. O que já é feito em Curitiba será levado a outras cidades do Estado”, observou Arns.

O programa Crack, é Possível Vencer, prevê para todo o país a aplicação de R$ 4 bilhões em recursos federais. Dos recursos destinados ao Paraná, que serão inicialmente aplicados em Curitiba R$ 48 milhões são do Ministério da Saúde; R$ 44 milhões do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) e R$ 8,5 milhões do Ministério da Justiça.

Juntamente com o prefeito Luciano Ducci, estiveram em Brasília a presidente da Fundação de Ação Social (FAS), Marry Ducci e os secretários da Defesa Social, Nazir Chain e da Saúde, Eliane Chomatas. Eles participaram de reuniões técnicas em que foram apresentadas as ações de Curitiba que embasaram o repasse dos recursos ao Estado.

sábado, 28 de julho de 2012

Luciano Ducci aumentará orçamentos da Cultura e do Esporte

O prefeito Luciano Ducci, candidato à reeleição pela Coligação Curitiba Sempre na Frente, vai aumentar os repasses de recursos para as áreas da Cultura e o Esporte, Lazer e Juventude, respectivamente. Eles serão gradativos durante a gestão, e irão contribuir para desenvolvimento de novas ações e recuperação de espaços públicos.

O anuncio foi feito durante encontro com artistas e funcionários da Fundação Cultural de Curitiba, no Centro de Criatividade do parque São Lourenço. “Com mais recursos vamos aperfeiçoar ainda mais as ações e criar outros programas, levando cultura, esporte e lazer para todos os cantos da cidade, além de reformar espaços públicos como esse Centro de Criatividade” adiantou Luciano Ducci.

O orçamento da Cultura passará de R$ 42.000.000,00, por ano, para R$ 51.000.000,00. Com o aumento do orçamento a Fundação Cultural de Curitiba vai desenvolver o programa Regional Cultural, uma inovação da Lei de Incentivo à Cultura.

“Criaremos editais específicos para cada Regional da Cidade, considerando e valorizando a produção cultural local. descentralização da Lei”, declara a presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Roberta Storelli.

Outra ação prevista é a reforma da infraestrutura do Centro de Criatividade, que hoje oferece 28 tipos de cursos de artes e atende cerca de 600 alunos de diferentes faixas de idade.

O prefeito ganhou do artista Elvo Benito Damo uma escultura. Elvo é um reconhecido escultor curitibano e é professor e responsável pelo Atelier Livre de Escultura, uma parte do Centro de Criatividade. “Arrisco afirmar que esse é o único Atelier de Escultura público do mundo”, disse Elvo no Atelier os alunos aprendem a arte da escultura em bronze, argila e pedra.

Esporte e Lazer - Já o orçamento da Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude passará de R$ 40.000.000,00 para R$ 51.000.000,00. Uma das propostas é construir o Skate Park no parque Cambuí. O moderno complexo dedicado ao esporte terá 5 mil metros quadrados e atenderá aos padrões exigidos pelos campeonatos mundiais e nacionais.

“Curitiba continuará sendo uma grande referência do skate no país. Tivemos aqui uma das primeiras pistas públicas do Brasil e termos aqui um dos mais modernos complexos dedicados a difundir o esporte, revelar talentos locais e atrair campeonatos importantes para a cidade”, diz o secretário municipal do Esporte lazer e Juventude, Marcello Richa.

Outra proposta de Luciano Ducci  é transformar espaços ociosos em áreas públicas como quadras de areia em quadra de tênis. Já estão identificados nove locais com potencia para virarem quadras de tênis. Os Clubes da Gente e os Centros da Juventude além da reforma do Centro de Esportes da Praça Oswaldo Cruz também fazem parte dos projetos do prefeito Luciano Ducci.

sexta-feira, 27 de julho de 2012

Obras da Linha Verde chegarão ao Atuba, anuncia Luciano

Ontem (26) o prefeito Luciano Ducci, candidato à reeleição pela Coligação Curitiba Sempre na Frente, anunciou que em 2013 as obras da Linha Verde chegarão ao Atuba. O anúncio foi feito para 200  funcionários da empresa Nutrilatina.

 “A Linha Verde está integrando bairros e melhorando a mobilidade. Já estamos fazendo a etapa Jardim Botânico - Vitor Ferreira do Amaral, e ainda neste ano licitaremos mais uma etapa para o Norte e, assim, trazer a obra até o Atuba”, afirmou Luciando Ducci.

Com a canaleta exclusiva de ônibus, a Linha Verde contará com as novas linhas Pinheirinho - Atuba e Atuba - Centro, pistas marginais e locais para o trânsito de veículos, calçadas, ciclovia no trecho inteiro, iluminação, sinalização e um paisagismo especial que destacará esse sexto eixo de integração e desenvolvimento da cidade.

Nessa primeira etapa ao Norte, Luciano está construindo trincheiras nas ruas Agamenon Magalhães e Roberto Cichon, que formarão binário para passagem direta pela Linha Verde, além da duplicação do viaduto da Avenida Affonso Camargo que ganhará um mini-terminal de ônibus.

A notícia da expansão da Linha Verde chegou em boa hora. A pois a Nutrilatina está prestes implantar mais duas unidades de produção, que juntas vão gerar cerca de 400 empregos diretos.

“Sempre olhamos Curitiba como primeira opção para expansão dos nossos negócios. A cidade tem evoluído muito nos últimos anos, e agora com apoio do Governo do Estado isso deve aumentar ainda mais, e nós vamos caminhar com Curitiba”, destacou o diretor-superintendente da Nutrilatina, Marcelo Nauer, que acompanhou o prefeito durante visita às instalações da empresa.


Luciano Ducci vai criar a nova Regional Uberaba

Na última quarta-feira (25) o prefeito Luciano Ducci, candidato à reeleição pela coligação Curitiba Sempre na Frente, anunciou que vai criar a nova Regional Uberaba. O anúncio foi feito durante a inauguração do comitê Luciano 40 no Uberaba, onde estavam presentes mais de 400 pessoas.

A futura 11ª regional será formada pelos bairros Jardim das Américas, Uberaba e Guabirotuba, onde vivem cerca de 100 mil pessoas. “Os serviços municipais estarão mais perto dos moradores. E a Regional vai ajudar no desenvolvimento dos bairros”, disse o prefeito.

A nova regional vai formar um quadrilátero, entre a BR-277 e o canal Belém e da Linha Verde até o limite com o município de São José dos Pinhais, desafogando o atendimento na Regional Cajuru, que ficará com os bairros Capão da Imbuia e Cajuru.

A nova regional vai abranger todos os serviços públicos municipais, além de contar com postos para atendimento de serviços estaduais, como Sanepar e Copel, e também federais.

Nova Salgado Filho - Durante a inauguração do comitê, o prefeito anunciou que no próximo mês começam as obras de revitalização da avenida Salgado Filho, entre a Linha Verde e a Curva do Tomate, quase divisa com São José dos Pinhais. A avenida vai ganhar asfalto, calçadas, ciclovia e iluminação especial.

“A novidade é que conversei com o governador Beto Richa e com o ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, para construir da Curva do Tomate uma avenida que vai se estender até o centro de São José dos Pinhais”, disse Luciano.

Feira dos Sabores - Depois de inaugurar o comitê, o prefeito participou da abertura da 13ª edição da Feira dos Sabores do Paraná. O prefeito destacou o trabalho dos produtores rurais, que abastecem Curitiba com hortifrutigranjeiros e produtos artesanais.

Luciano Ducci lembrou que a Prefeitura de Curitiba estimula a venda de produtos paranaenses na rede de abastecimento da cidade, formada por Armazéns da Família e Sacolões, no novo Mercado Regional do Capão da Imbuia, Mercado de Orgânicos e Mercado Municipal de Curitiba, além do circuito de feiras livres da cidade.



quinta-feira, 26 de julho de 2012

Marry Ducci e Fernanda Richa inauguram Comitê Feminino de Luciano Ducci no Campina do Siqueira

Na noite de terça-feira (24) Marry Ducci e Fernanda Richa inauguraram o Comitê Feminino de Luciano Ducci, no Campina do Siqueira. Cerca de 600 pessoas estiveram presente no evento, que reuniu clubes de mães, lideranças comunitárias e associações de bairro.

Segundo Ducci este é o comitê da vitória. “Com a força e o trabalho das mulheres vamos construir uma cidade cada vez melhor. São vocês, mulheres, que estarão conosco nas novas creches que vamos abrir, no novo Hospital Pronto Socorro Norte e em tantas outras ações para as famílias curitibanas”, destacou.

O prefeito destacou a participação das mulheres em cargos de comando na Prefeitura. Na gestão Luciano Ducci, 11 Secretarias Municipais são comandadas por mulheres: Meio Ambiente, Recursos Humanos, Administração, Educação, Saúde, Turismo, Ação Social e Cultura. Além disso, quatro mulheres comandam Administrações Regionais da cidade.

“Vamos continuar esse trabalho maravilhoso por nossa cidade. Todos que estão aqui têm um compromisso de trabalhar muito, e essas mulheres que tanto nos ajudam estarão ao nosso lado nessa grande jornada”, disse Marry Ducci.

Fernanda Richa afirmou que defenderá Luciano Ducci e seu trabalho pela cidade com muita garra. “Não irei me calar, vou continuar defendendo o Luciano porque só assim estarei defendendo Curitiba”, alertou Fernanda.

Também estiveram presentes o vice-governador Flávio Arns, candidato a vice-prefeito, Rubens Bueno e Marcello Richa, Presidente da Executiva da JPSDB Nacional, além de líderes de diferentes regiões da cidade.


quarta-feira, 25 de julho de 2012

Luciano Ducci anuncia nova trincheira no Jardim Botânico para ligar o CIC ao Tarumã

O prefeito Luciano Ducci, candidato à reeleição de pela Coligação Curitiba Sempre na Frente, anunciou a construção de uma trincheira na avenida Professor Lothário Maissner, no Jardim Botânico. Ela ficará no cruzamento com as ruas Alberto Twardowski e Engenheiro Ostorja Roguski criando uma passagem direta entre essas duas vias.

A nova trincheira ficará perto de três outras trincheiras, a da rua Guabirotuba com a avenida das Torres já em construção, e as da Agamenon Magalhães e da Roberto Cicchon com a Linha Verde, também em obras. Essa sequência de trincheiras faz parte da ligação viária do eixo Leste-Oeste, que vai da Cidade Industrial de Curitiba (CIC) ao Tarumã, passando por outros 11 bairros, desde a divisa com Araucária até Pinhais.

Ducci explica que todas estas trincheiras vão formar mais uma nova ligação viária, Eixo Leste-Oeste, que vai desafogar o trânsito na avenida das Torres, na Lothário Maissner e na Linha Verde.

Eixo Leste-Oeste - O eixo Leste-Oeste foi planejado em 2005 e vem se consolidando com as atuais obras como o binário entre as ruas Chile e Guabirotuba, as trincheiras Agamenon Magalhães e Roberto Cichon, a nova trincheira da rua Chile que atravessa a avenida das Torres. Outras trincheiras como a da rua Guabirotuba sob a Avenida da Torres e a da rua Lothário Meissner com as ruas Ostoja Roguski e Alberto Twardowski são importantes para a ligação.
  
Com as obras que vem sendo feitas ao longo desses últimos anos, o eixo Leste-Oeste começa a ser uma nova alternativa mais direta, lógica e continua para deslocamentos viários. É como um grande binário que atravessa a cidade desde a divisa de Araucária até Pinhais.

Na parte oeste, o eixo começa na rua João Bettega, na rodovia de Contorno Sul, depois segue pelo binário Itacolomi-Itatiaia, uma das importantes obras para a consolidação do eixo na região oeste. Em seguida o motorista pode acessar a avenida Presidente Kennedy chegando no antigo binário entre as ruas Conselheiro Dantas e Chile.

A partir desse trecho se concentram a maior parte das obras necessárias para a complementação de mais um trecho do eixo, como o binário Chile – Guabirotuba e as trincheiras Agamenon Magalhães e Roberto Cichon com a Linha Verde, que estão em execução.
Do novo binário, o motorista entra na rua Alberto Twardowski, que é o prolongamento da rua Guabirotuba, depois da avenida das Torres. Nesse exato cruzamento, Luciano Ducci começou a obra de uma trincheira, com recursos do PAC da Copa.


Érika Feller em campanha no Pinheirinho

No último sábado (20) Erika Feller, candidata a vereadora pela Coligação Curitiba Sempre na Frente, esteve com Fernanda Richa e Marcello Richa, Presidente da Executiva da JPSDB Nacional, percorrendo o comércio da rua Cid Macondes de Albuquerque, na regional Pinheirinho.

Durante a caminhada eles ouviram moradores, comerciantes e lideranças comunitárias da região, que nos últimos sete anos receberam diversas melhorias. Entre elas as obras da Linha Verde, que agora avançam em direção a divisa com Fazenda Rio Grande, Hospital do Idoso, Restaurante Popular, Unidade 24 Horas e melhorias viárias e de urbanização como o Eixo de Integração CIC-Tatuquara com trincheiras.

terça-feira, 24 de julho de 2012

Luciano Ducci anuncia revitalização e pavimentação de ruas, novos parques e Skate Park na Fazendinha

Na noite de ontem (23) cerca de 500 pessoas receberam o prefeito Luciano Ducci,  candidato à reeleição da Coligação Curitiba Sempre na Frente, na inauguração do Comitê Fazendinha. Durante o evento Ducci anunciou que nos próximos dias uma série de obras serão iniciadas e vão transformar a região.

“Em agosto começa a revitalização da rua Carlos Klemtz e em seguida vamos fazer 3,2 quilômetros da Raul Pompéia. Também vamos recuperar o asfalto outras 14 ruas importantes do bairro”, afirmou Ducci.

O prefeito também anunciou a criação de dois parques na região: o Bernardo Meyer e da Vila Rigoni, ao longo do rio Barigui, agora que as famílias que viviam às margens do rio foram retiradas. “Já retiramos mais de 10 mil famílias da beira de rios e vamos continuar, até retirar todas as famílias desta condição e eliminar a miséria de Curitiba”, completou.

Também foi anunciado a construção de um “skate park” na área do parque do Cambúi, na Fazendinha, que será um dos maiores e mais modernos parques de skate do país, com 5.000 metros quadrados. “A proposta já está em nosso plano de governo e tem o objetivo de fortalecer o skate como esporte e resgatar o título de ‘Cidade do Skate’ para Curitiba”, disse Ducci.

O encontro teve a presença do presidente da Juventude do PSB de Curitiba, Ricardo Ducci, presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Mounir Chaowiche e de diversos vereadores e novos candidatos à Câmara Municipal, lideranças comunitárias, comerciantes e moradores dos bairros Fazendinha, Portão e Cidade Industrial.



Governo do Paraná, um estado de respeito!

“Um Estado de respeito”, artigo do governador Beto Richa

Artigo do governador do Paraná, Beto Richa (PSDB)

A principal mudança verificada em nosso Estado desde o primeiro dia de nossa administração foi o reestabelecimento do respeito junto ao diálogo e trabalho, que andavam relegados a planos inferiores no Paraná. Com eles, estabelecemos a obediência a princípios de legalidade, cidadania, democracia e desenvolvimento, proporcionando sustentação a um plano de governo ousado e progressista.

A partir da consolidação deste cenário, com respeito mútuo entre Estado e empreendedores, com segurança jurídica, os investimentos voltaram ao Paraná. Aliados a uma ação governamental determinada pela justiça social, resultaram e resultarão em progresso socioeconômico a curto, médio e longo prazos. Por meio do Programa Paraná Competitivo, atingimos em apenas 18 meses R$ 16,4 bilhões em investimentos, mais do que a quantia obtida nos oito anos anteriores à nossa gestão.

Com esta soma de investimentos, por exemplo, tivemos a geração de pelo menos 70 mil empregos adicionais à dinâmica própria da nossa economia. Este programa contempla uma série de medidas por meio da dilação de prazos para recolhimento do ICMS, investimentos para melhoria da infraestrutura, comércio exterior, desburocratização e de capacitação profissional.

Segundo o IBGE, a produção industrial do Paraná evoluiu 7% no ano passado, enquanto o País cresceu 0,3%. Nosso Estado, que sedia hoje o terceiro parque industrial de transformação do Brasil, liderou o ranking nacional, à frente de Espírito Santo (6,8%) e Goiás (6,2%), e ficando bastante à frente do Rio Grande do Sul (2%) e de Santa Catarina (-5,1%).

Esta informação comprova a tendência de firme expansão das atividades fabris paranaenses, que se verifica desde o começo de 2011. Ela se dá em autêntica rota oposta ao cenário delineado no mercado de trabalho setorial no País, fruto, segundo especialistas, das incertezas provocadas pelo agravamento da crise europeia e por algumas contradições da orientação macroeconômica definida pelo governo federal.

Este é apenas um dos aspectos resultantes do respeito que se instalou no Paraná e que se desdobra em todas as áreas da administração pública – Educação, Saúde, Segurança, Infraestrutura, Habitação, Agricultura, Justiça, Saneamento, Energia, Meio Ambiente, enfim em todos os setores onde o Estado atua.

Todas as iniciativas de progresso são e serão fomentadas no Paraná. Desde que haja a observação da premissa principal de respeito mútuo e com o objetivo fundamental da melhoria de qualidade de vida de todos os paranaenses.

Para todos os setores da administração pública, a receita básica é a mesma. Estamos criando um ambiente propício, de respeito e diálogo, para que empresas de todos os portes possam surgir e crescer em nosso Estado, a despeito das oscilações da economia no mundo e no País.

O resultado é concreto: a mão de obra utilizada pelo setor industrial no Paraná aumentou 4,1% em abril de 2012 frente a idêntico mês de 2011, enquanto que no Brasil teve queda de –1,4%.

Claro, este não é um aspecto a ser analisado isoladamente da conjuntura econômica nacional. Precisamos criar opções a serem oferecidas ao empreendedor para que ele invista e mantenha uma atividade produtiva no país, gerando emprego, renda e desenvolvimento social. O caminho que escolhemos, a prática diária do respeito, diálogo e trabalho, não desmerece iniciativas louváveis de outros Estados que estão imbuídos em melhorar o nível socioeconômico dos brasileiros.

segunda-feira, 23 de julho de 2012

Luciano Ducci, Beto Richa e Rubens Bueno inauguram comitê Pinheirinho

Na noite da última sexta-feira (20) moradores, comerciantes e líderes comunitários do Pinheirinho e região lotaram o Comitê de Luciano Ducci, candidato à reeleição pela Coligação Curitiba Sempre na Frente. Cerca de duas mil pessoas participaram da inauguração e foram surpreendidas com a chegada do governador Beto Richa e da secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa. O vice de Luciano, Rubens Bueno, também participou da festa.

Durante o evento, Beto Richa disse que os curitibanos aprovam e admiram o trabalho de Luciano Ducci. E que ele é sem dúvida o mais preparado dos candidatos para enfrentar os novos desafios.

No Pinheirinho e redondezas o trabalho de Beto e de Luciano é marcado pelas obras da Linha Verde, que agora avançam em direção a divisa com Fazenda Rio Grande, Hospital do Idoso, Restaurante Popular, Unidade 24 Horas e melhorias viárias e de urbanização como o Eixo de Integração CIC-Tatuquara com trincheiras.

“Daqui a pouco teremos passando por aqui o metrô, a conclusão da Linha Verde, e com apoio do governador Beto Richa vamos revitalizar a rua Enette Dubard, no Tatuquara, bairro que no ano que vem vai ser uma Administração Regional da cidade. A Rua da Cidadania que vai abrigar essa nova Regional já começa a ser construída ainda esse ano. Em seguida vem o Terminal de Ônibus e a Unidade 24 Horas para o Tatuquara”, disse Ducci. 

Fernanda Richa pediu apoio da militância para um trabalho limpo. “Os verdadeiros líderes aqui são vocês, que vão nos ajudar a fazer uma campanha bonita e de respeito, sem agressões e sem ofensas”, completou.

A dona de casa Maria Aparecida Fernandes lembrou das conquistas que a cidade teve nos últimos anos como domingueira (passagem a R$ 1,00 aos domingos) e o Hospital do Idoso. Mas são os dois últimos anos que mais marcam a memória de dona Maria. “Em tão pouco tempo o Luciano Ducci já está fazendo tanto coisa, então mudar pra quê?”, questiona a dona de casa.

Luciano Ducci destaca avanços sociais no Parolin

No último dia (19) o prefeito Luciano Ducci, candidato à reeleição da Coligação Curitiba Sempre na Frente,participou do lançamento da candidatura de Edson do Parolin, a reeleição para vereador. Durante o encontro Ducci afirmou que nos últimos anos, o Parolin foi um dos bairros que mais teve avanços sociais em Curitiba, ganhando creches, moradias, unidade de saúde, Armazém da Família, Cras e uma escola, que está em construção.

O prefeito lembrou que o bairro esteve abandonado por anos e só passou a receber benefícios na gestão dele com o Beto Richa e na atual administração. “Quem vive no Parolin sabe da preocupação que tivemos com a comunidade, trazendo cada vez mais serviços municipais para as famílias e buscando melhorar ainda mais a vida de todos os moradores”, disse Luciano para mais de 300 moradores que estiveram no comitê.

Para o candidato a vereador Edson do Parolin, o prefeito Luciano sempre esteve presente na comunidade. “O prefeito e a dona Marry Ducci conhecem cada pessoa do bairro pelo nome e sabem do que a gente precisa. Por isto, não precisamos de pessoas que não conhecem a cidade e só aparecem com promessas na época de eleição. Precisamos de gente que faz, como o Luciano”, disse Edson.

Prefeitura entregou o cerca de 400 moradias e vai construir mais 400. Além disto, construiu uma creche para 150 crianças, que funciona até 23h, e vai entregar outra para 200 crianças. Também está em obras uma Escola Municipal, que vai abrigar mais de 700 alunos. Um parque de reciclagem Ecocidadão difundiu o associativismo dos catadores, melhorando as condições de trabalhado e aumentando a renda das famílias.

Quase a totalidade dos moradores que vivem na Vila Parolin usa o Armazém da Família e são atendidos no Cras, que oferece cursos de capacitação pelo Liceu do Ofício. Edson do Parolin destacou que a parceria entre o prefeito e o governador Beto Richa vai trazer mais benefícios para a região. “Agora temos segurança, graças a UPS, que foi trazida por Luciano e Beto Richa”, finalizou.

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Luciano Ducci e Fernanda Richa destacam avanços sociais de Curitiba

Na quarta-feira (18) às 7 horas da manhã o prefeito Luciano Ducci, candidato à reeleição da Coligação Curitiba Sempre na Frente,  estava ao lado de Fernanda Richa, secretaria da Família e Assistência Social do Paraná, em um encontro no bairro Portão. Estavam reunidos empresários e amigos do Instituto Mão Amiga, entidade assistencial dirigida por Joaquim Cascaes Alves, além de representantes de empresas e entidades que atendem crianças carentes.

O prefeito disse que é uma grande transformação que a prefeitura está fazendo na cidade. Retirando pessoas da beira de rios, colocando em casas novas e apartamentos, construindo creches, escolas, unidades de saúde, asfaltando ruas e criando equipamentos para melhorar a qualidade de vida das pessoas nos bairros.

“Ainda tem muita coisa pra fazer, porque a cidade não para de crescer. Eu sei o que precisa ser feito, porque tenho experiência administrativa de 25 anos no setor público, e sei que não existe varinha de condão para resolver os problemas da cidade”, completou Ducci.


quinta-feira, 19 de julho de 2012

Luciano Ducci anuncia Unidade 24 horas no Centro e parque no Bom Retiro

Um parque linear entre o Bom Retiro e o Pilarzinho e um Centro Municipal de Urgências Médicas 24 horas na abrangência da região central foram anunciados pelo prefeito e candidato à reeleição pela Coligação Curitiba Sempre na Frente na noite desta quarta-feira (18) durante inauguração de mais um comitê Luciano 40, no Hugo Langue, que contou com a participação de 800 pessoas.

Os recursos para o parque linear do Pilarzinho vêm de emenda federal proposta pelo deputado federal Rubens Bueno, candidato a vice-prefeito de Luciano, que esteve presente na inauguração do comitê. O novo parque será construído às margens do rio Pilarzinho. Além de ser mais um espaço de lazer para a população, o parque vai ajudar na contenção de cheias.

“Nossa chapa não é para uma simples composição para disputar eleição. A união desse grupo é para governar Curitiba com muita responsabilidade. Nossas propostas são possíveis, e não mágicas”, disse Luciano.

A Administração Regional Matriz abrange 18 bairros, e para atender a essa população e também de outras partes da cidade, o prefeito Luciano Ducci vai implantar um Centro de Urgências Médicas. Alguns terrenos já estão sendo avaliados.

“Fomos convocados para esse grande trabalho que será governar Curitiba junto com um humanista que o Luciano Ducci”, destacou Rubens Bueno.

Obras – Os bairros de abrangência da Matriz viraram um canteiro de obras com renovação urbana em cinco vias: Fagundes Varela, Augusto Stresser, São Francisco, Carlos de Carvalho e avenida Bispo Dom José/Batel. São novas calçadas, iluminação, drenagem e recapeamento que permitirá aos pedestres circularem com mais segurança por essas ruas comerciais da cidade.

Nos últimos anos, o centro de Curitiba, segundo dados do IBGE, despontou como um dos únicos no Brasil a apresentar crescimento populacional, 14,3%, com um perfil de pessoas mais jovens estabelecendo moradias. Quase 5.000 habitantes, e o número de moradores passou de 32,6 mil para 37,3 mil pessoas.

“Isso é resultado do grande esforço e do planejamento urbano que praticamos para manter o dinamismo da cidade, e especialmente do nosso centro”, avaliou Luciano.


terça-feira, 17 de julho de 2012

45 dicas para se fazer campanha municipal na internet em 2012

Confira o Guia elaborado por Gabriel Azevedo, secretário de Comunicação da JPSDB, com dicas para usar efetivamente as ferramentas da internet e das redes sociais na campanha das eleições municipais de 2012. Veja os vídeos, confira o infográfico e faça download da cartilha. Acesse aqui!


Luciano Ducci confirma Centro da Juventude no Uberaba

Na noite do último sábado (14) o prefeito Luciano Ducci, candidato a reeleição pela coligação Curitiba Sempre Na Frente, confirmou que Curitiba vai ganhar até o fim do ano mais um Centro da Juventude, que será construído no bairro Uberaba. O anúncio foi feito para dois mil jovens da comunidade evangélica Sara Nossa Terra, do bairro Água Verde. O espaço terá pistas de skate e piscinas, além de quadras esportivas e ginásio.

O primeiro Centro da Juventude foi  entregue este mês no Alto Boqueirão. Durante sua participação no evento Arena  Jov, Ducci disse que a Prefeitura entende que é preciso criar em Curitiba espaços para que os jovens possam praticar atividades esportivas para não entrarem no mundo das drogas e da violência.

O bispo Antônio Cirino Ferro e o pastor Thiago Ferro, disseram que Luciano Ducci é um convidado especial da comunidade, por ser um grande parceiro das igrejas evangélicas. “Todos os anos promovemos a Marcha para Jesus, que reúne milhares de pessoas em oração. É um evento muito grande e o apoio do prefeito é fundamental para assegurar que tudo funcione bem e que os fiéis possam manifestar sua fé livremente”, completou Antônio Cirino.

O prefeito ainda falou que aprecia muito a presença dos jovens nos eventos evangélicos dos quais participa. Para ele, a presença de tantos jovens na comunidade, cantando, dançando felizes e com um propósito de fé é motivo de orgulho para suas famílias. “A família sabe que aqui esses jovens estão sendo bem encaminhados. Precisamos apoiar as atividades e manifestações das entidades religiosas, porque essas ações são cheias de propósitos sadios e vão muito além do que está ao alcance do poder público”, completou Ducci.


segunda-feira, 16 de julho de 2012

Luciano Ducci e Fernanda Richa realizaram uma caminhada no Sítio Cercado e CIC

No último sábado (14) o prefeito Luciano Ducci, candidato a reeleição pela coligação Curitiba Sempre na Frente, ao lado de Fernanda Richa, secretária estadual da Família e Desenvolvimento Social, realizaram uma caminhada nos bairros Sítio Cercado e CIC. Durante o encontro Ducci também aproveitou para anunciar ações de reforço na Segurança.

Além das 27 câmeras de monitoramento que estão sendo instaladas no Sítio Cercado, ainda serão instaladas mais 622 câmeras nos 21 terminais de ônibus e nas estações tubo. O CIC vai receber uma Unidade Paraná Seguro (UPS), ruas mais iluminadas além 23º Batalhão da Polícia Militar do Paraná.

Ducci destacou que assim  como já está sendo feito no Parolin e Uberaba, o apoio da prefeitura às UPS, do governo do Paraná, será integral. Levando assim paz e tranquilidade às comunidades de Curitiba.

A caminhada começou pela rua Izaac Ferreira da Cruz, onde Luciano iniciou a revitalização daquela importante rua comercial. Além das melhorias no sistema viário e nas calçadas, é à noite que a população notará a diferença com a nova iluminação que será feita.

Segundo Fernanda Richa, as famílias precisam viver e trabalhar com tranquilidade. É para isso que o Luciano, com o apoio do governador Beto Richa, está trabalhando.

Durante a caminhada, o prefeito explicou que a obra na Izaac Ferreira da Cruz está sendo feita quadra a quadra para evitar transtornos ao comércio. Segundo Juliano Silva, gerente de uma loja de calçados, as melhorias vão valorizar muito os pontos comerciais. Com a nova iluminação também poderemos deixar o comércio aberto por mais tempo.

No Sítio Cercado, a instalação das novas câmeras está sendo acompanhada pelo Conselho Comunitário de Segurança do bairro, que entre outras sugestões indicou as áreas de distribuição das câmeras. O bairro já conta com cinco câmeras e uma Central de Videomonitoramento.

CIC – Luciano caminhou também pelo Sabará onde anunciou a instalação da UPS na região. O bairro vai receber ainda um quartel da PM, que ficará no Parque dos Tropeiros.

O casal Márica e Élcio Kula, dono de uma mercearia na rua Antonio Paster , ficaram feliz com as novidades levadas por Luciano. “Se o trabalho for igual ao que estão fazendo no Parolin e no Uberaba nossa vida vai melhorar muito”, disse Élcio.

Cerca de 500 policiais serão destacados para o 23º Batalhão da CIC. O parque já está sendo preparado para receber os policiais que farão o patrulhamento da região.


Governo do Paraná, um estado de respeito!

sexta-feira, 13 de julho de 2012

População pode utilizar internet Wi-Fi na Praça da Espanha e Jardim Botânico

Desde o mês de Junho a população de Curitiba já está podendo utilizar internet Wi-Fi gratuitamente na Praça da Espanha e Jardim Botânico. A capital paranaense está avançando na oferta de serviços públicos de Tecnologia da Informação (TI) e já está sendo reconhecida como a cidade mais digital do Brasil.

Segundo o gerente de produção de TI do Instituto Curitiba de Informática (ICI) Fernando Matesco, a iniciativa tem como objetivo proporcionar acesso a serviços básicos de internet, como navegação, utilização de e-mail e redes sociais em locais de grande movimento. Segundo ele, nos próximos dias o sinal será aberto na região do Largo da Ordem.

As unidades de Administração Regional da Prefeitura também contam com internet sem fio. As regionais dos bairros Boa Vista, Cidade Industrial de Curitiba, Santa Felicidade, Bairro Novo e Boqueirão tiveram a liberação do serviço em maio. Desde 2008 o ICI disponibiliza internet Wi-Fi gratuita no Mercado Municipal, praça Rui Barbosa (Administração Regional da Matriz) e Parque Barigüi.

Cidade mais digital - A ampliação do acesso a serviços de TI no município tem chamado a atenção de todo o país. Na último dia (3), Curitiba foi reconhecida como a cidade mais digital do Brasil através de pesquisa realizada pelo Centro de Pesquisas e Desenvolvimento de Telecomunicações (CPqD), ligado ao Ministério das Comunicações, em parceria com a Momento Editorial.

O Índice Brasil de Cidades Digitais levou em conta o nível de inovação e digitalização das cem cidades brasileiras que melhor utilizam as tecnologias da informação e da comunicação (TICs).

Para acessar a rede de internet gratuita, disponibilizada pelo Instituto Curitiba de Informática em alguns locais públicos, é preciso se cadastrar no site do Passaporte Curitiba (http://www.passaportecuritiba.org.br/).


Comunidade Escola tem certificado de compromissos do Milênio

Na próxima terça-feira (17) o programa Comunidade Escola receberá o selo Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) iniciativa do Movimento Nós Podemos Paraná, que  reconhece empresas e instituições com ações para o desenvolvimento social. O evento será realizado na Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) do Jardim Botânico, às 19 horas. 

O Comunidade Escola mantém abertas cem escolas municipais nos fins de semana com oferta de atividades sócio-educativas gratuitas abertas a todos. Segundo Liliane Sabbag, secretária municipal da Educação, o programa tem influência nos indicadores positivos da educação de Curitiba e na melhoria da qualidade de vida nos bairros. 

Em sete anos de existência, foram cerca de 11 milhões de atendimentos. O coordenador do programa, Luciano Martins de Oliveira, disse que o sucesso do Comunidade Escola é resultado de um modelo de gestão compartilhado e construído a partir das demandas das escolas e principalmente, das comunidades. 

Prêmio - O Selo ODM é uma iniciativa do Movimento Nós Podemos Paraná, programa do Sesi-PR para divulgar boas práticas para o alcance dos oito Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), estipulados no ano 2.000 pela Organização das Nações Unidas (ONU). 

Os oito objetivos são: Acabar com a Fome e a Miséria; Educação Básica de Qualidade para Todos, Igualdade entre os Sexos e a Valorização da Mulher; Reduzir a Mortalidade Infantil; Melhorar a Saúde da Gestante; Combater a Aids, a Malária e outras Doenças; Qualidade de Vida e Respeito ao Meio Ambiente; e Todos Trabalhando pelo Desenvolvimento.

O Selo ODM está na segunda edição. Serão certificadas 109 empresas e instituições paranaenses. O selo poderá ser utilizado nos materiais promocionais das empresas e instituições certificadas e tem validade de um ano. Receberão o selo, 42 empresas e 67 instituições públicas e do terceiro setor de 42 municípios do Paraná. Nesta edição, 137 empresas e instituições se inscreveram.

quinta-feira, 12 de julho de 2012

População vai detalhar os investimentos do orçamento 2013

Os moradores de Curitiba vão começar a definir como serão investidos os R$ 5,6 bilhões previstos para o orçamento de 2013. Na próxima semana começam as consultas públicas nas nove regionais da cidade para a discussão da Lei Orçamentária Anual (LOA). Nas reuniões serão detalhadas as propostas que foram apresentadas no primeiro semestre, dentro das audiências da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Na terça-feira (17) as consultas públicas da LOA serão feitas nos bairros Pinheirinho, Boqueirão e Boa Vista. Quarta-feira (18) será a vez dos moradores do Cajuru, CIC e Portão. Quinta-feira (19) as reuniões em Santa Felicidade, Matriz e Bairro novo finalizam as consultas públicas.

As reuniões serão sempre das 19h às 21h. Além de dar sugestões, os cidadãos podem tirar dúvidas com representantes de todas as secretarias da Prefeitura sobre o que estão sendo feito na cidade. As sugestões para o orçamento também poderão ser feitas pela internet, no site da Prefeitura, e pelo telefone 156 a partir desta semana.

O secretário de Finanças, João Luiz Marcon, disse que essas audiências mostram a visão do cidadão sobre o que mais precisa ser feito na cidade. "A Prefeitura executa as ações e torna o orçamento mais participativo. Ano a ano as participações nas audiências e sugestões aumentam. É um processo de evolução constante", completou.

A LOA deve ser encaminhada para a Câmara até o dia 30 de setembro. No ano passado, a Prefeitura recebeu 25.575 sugestões para a definição do orçamento de 2012, que é de R$ 5,1 bilhões.



Governo do Paraná, um estado de respeito!

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Cai a taxa de analfabetismo em Curitiba

Em Curitiba o número de analfabetos com mais de 15 anos de idade caiu de 3,38% para 2,13% da população, em dez anos. Os dados são do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).  A capital paranaense também já é reconhecida nacionalmente com o selo “cidade livre de analfabetismo”, do Governo Federal.

Em 2000, Curitiba tinha 40.244 pessoas nesta faixa etária sem saber ler nem escrever. Em 2010, o número caiu para 29.839. É como se a cada ano cerca de mil pessoas fossem alfabetizadas na cidade. São números que colocam Curitiba bem abaixo da taxa nacional de 9,6% da população analfabeta com mais de 15 anos.

Segundo a secretária municipal da Educação, Liliane Sabbag, Curitiba caminha para a erradicação do analfabetismo e já conseguiu atingir uma taxa de alfabetização próxima a 100%, fazendo da educação a prioridade de investimentos do município. Segundo ela os programas para diminuir o número de analfabetos têm contribuído para essa conquista.

Pelo trabalho no combate ao analfabetismo, Curitiba conquistou em 2007 o selo “cidade livre de analfabetismo” do Governo Federal. O título foi entregue a 64 municípios com índices de analfabetismo menores que 4% da população. 

Jovens e Adultos - Atualmente, a Prefeitura está alfabetizando 1.907 pessoas com mais de 15 anos de idade. Somente nas cem turmas de Educação de Jovens e Adultos (EJA) são 1.678 estudantes. As aulas são noturnas e ofertadas em 68 escolas municipais.

A cuidadora de idosos Irene da Rosa, de 56 anos, voltou a ler e a escrever. Ela foi aluna do EJA na Escola Municipal Araucária, no Bairro Alto. “Na infância, cheguei a ir para escola por dois anos, mas o tempo passou e eu esqueci o que aprendi”, diz Irene. “É bom poder voltar a estudar na minha idade”.

Irene conta que, com a leitura, a vida ficou mais fácil. “Até para conversar é melhor. Parece que a gente sabe mais das coisas quando lê”, afirma. Dedicada aos estudos, Irene ficou em segundo lugar, em sua categoria, no concurso de frases sobre o aniversário de Curitiba promovido pela Secretaria Municipal da Educação em 2011. “Como sei ler, agora também vou poder contar historinhas para os meus netos e até aprender um pouquinho mais com eles.”


terça-feira, 10 de julho de 2012

Curitiba tem o primeiro Mercado de Orgânicos do país

Inaugurado em 2009, o Mercado de Orgânicos é o primeiro mercado municipal deste tipo do país. Todos os produtos nele comercializados vem da Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Em contrapartida o mercado ainda ajuda a preservar as áreas de mananciais em volta da capital, pois os alimentos são produzidos de forma limpa e sustentável.

O Mercado Municipal de Orgânicos ficará aberto de segunda a domingo. Ele é conectado ao Mercado Municipal de Curitiba, fazendo com que o público possa circular nos dois ambientes. Conexão pode ser feita pela praça de alimentação. No espaço são encontrados açougue, restaurante, lanchonete, artesanato, confecção, cosméticos e alimentos industrializados com certificação de produção livre de agrotóxico.
Produtos orgânicos - com a comercialização consolidada em Curitiba, além do Mercado, também são realizadas feiras orgânicas espalhadas por toda a cidade. Elas são abastecidas com frutas e verduras produzidas na RMC. A produção no chamado ``cinturão verde´´ ajuda a proteger os recursos hídricos de Curitiba, pois os produtos orgânicos não recebem aplicações de agrotóxicos e outros defensivos nocivos ao meio ambiente.

Cerca de mil produtores da região metropolitana comercializam produtos orgânicos no Mercado de Orgânicos de Curitiba e um parte também são feirantes, que participam das 11 feiras na capital promovidas pela Prefeitura.


Confira os locais onde são realizadas as feiras

Jardim Botânico
Sábados - das 07h às 12h Rua Dr. Jorge Mayer – Praça de Itália ao lado da Igreja

EMATER
Feira Mista, orgânico e convencional - Quartas-feiras - das 07h às 12hRua da Bandeira em frente a EMATER

Seminário
Terças-feiras - das 07h às 12h - Rua João Argemiro de Loyola

Praça do Expedicionário
Quartas-feiras - das 07h às 12h - Rua Saldanha de Gama (Praça do avião)

Passeio Público
Sábados - das 07h às 12h - Rua Presidente Faria

Praça do Japão
Quintas-feiras - das 7h às 12h - Av. Republica Argentina com av. 7 de setembro

Prefeitura Municipal de Curitiba
Quartas-feiras - das 07h às 14h - Rua Papa João XXIII ao lado da Prefeitura

Cabral
Praça São Paulo da Cruz (Igreja do Cabral) - Quintas-feiras - das 07h às 12h - Av. Paraná esquina com rua Bom Jesus.

Praça da Ucrânia
Sábados - das 07h às 12h - Av. Candido Hartmann esquina com ruas Pe. Anchieta e rua Capitão Souza Franco.

Santa Felicidade
Praça Piazza San Marco - Sábado das 07h ás 12h - Via Veneto, em frente à Rua da Cidadania de Santa Felicidade - Santa Felicidade.

Mercado Municipal – Setor Mercado Orgânico
Rua da Paz nº 608

Horário de Funcionamento:
segunda-feira das 07h às 14h;
terça-feira a sábado das 07h às 18h;
domingo das 07h às 13h.

Curitiba terá 400 km de vias para bicicletas

A malha cicloviária de Curitiba chegará a 400 quilômetros, com a criação de novos ramais integrados à rede atual, de 120 quilômetros, que já é a segunda maior do país. A ampliação das vias cicláveis na cidade, prevista no Plano Diretor Cicloviário, elaborado pelo Ippuc, avança na cidade com obras em ciclovias, ciclofaixas, e calçadas compartilhadas. 

O presidente do Ippuc, Cléver Almeida, afirma que estimular o uso da bicicleta não só como lazer ou prática esportiva, mas como meio alternativo de transporte, é uma das prioridades da Prefeitura de Curitiba dentro do Programa Mobilidade e Acessibilidade. Os projetos já estão definidos e novos ramais são construídos na cidade.

Uma dessas novas conexões é a ciclofaixa da avenida Marechal Floriano Peixoto, que já conta com oito quilômetros, 4 km em cada sentido, desde o viaduto da Linha Verde até a divisa com São José dos Pinhais.

A outra etapa, que faz a ligação até o limite da cidade com São José dos Pinhais, será feita em parceria com o governo do Estado, com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) da Copa.


segunda-feira, 9 de julho de 2012

Taxa de desemprego em Curitiba é a menor do Brasil

Segundo dados do IBGE/Ipardes Curitiba tem a menor taxa de desemprego do Brasil – 3,2% do conjunto dos trabalhadores. O percentual mostra que a capital do Paraná, há mais de um ano, vive um ciclo de pleno emprego. Os números também apontam que essa taxa na região metropolitana ficou em 3,7%.

Curitiba é ainda responsável por mais de 89% dos empregos gerados nos últimos 12 meses. O secretário municipal de Trabalho, Paulo Bracarense, disse que historicamente a taxa de Curitiba é 0,5% menor que a registrada na região metropolitana. Segundo ele a cidade também mantém o ciclo do pleno emprego, ampliando a oferta de postos de trabalho e a economia aquecida.

O termo pleno emprego é usado quando a taxa de desemprego ou desocupação oscila com percentuais inferiores a 4% e 5%. No caso de Curitiba, segundo Bracarense, o ciclo aponta para a qualificação dos trabalhadores e no crescimento dos salários. 

Na RMC, a taxa registrada pelo IBGE/Ipardes é inferior à observada em janeiro, 3,8%, e também abaixo da verificada em fevereiro do ano passado, quando atingiu 4,0%.  A média nacional, calculada em seis regiões metropolitanas, foi de 5,7%.

Taxa de desempregados entre sete capitais
Curitiba 3,2%
Porto Alegre 4,1%
Belo Horizonte 4,7%
Recife 5,1%
Rio de Janeiro 5,7%
São Paulo 6,1%
Salvador 7,8%